Portugal

Coimbra: dicas de viagem e um pouco da história de Pedro e Inês

Fui para Coimbra em novembro de 2019 para participar de um Congresso de Direito Civil na Universidade e aproveitei para conhecer a cidade. Coimbra gira em torno da Universidade e os principais pontos turísticos ficam lá.

Por do sol na Ponte de Santa Clara

A Universidade de Coimbra é uma das mais antigas da Europa, foi fundada em 1290 pelo rei D. Dinis, e virou Patrimônio Mundial da Unesco.

Paço Real

Alguns pontos da Universidade são fechados e é necessário comprar ingresso para visitar. Eu comprei um ingresso de 12,50 euros que dava acesso na Biblioteca Joanina, Palácio Real, Capela de S. Miguel, Laboratório Chimico e Colégio de Jesus por 2h e meia. A visita na Biblioteca é com hora marcada e lá não é possível tirar fotos (apenas na primeira parte do tour). Vale a pena comprar ingresso para visitar esses lugares? Total! Não visitei o Laboratório nem o Colégio, mas os lugares que eu visitei são extraordinários.

Biblioteca Joanina

“O edifício da Biblioteca Geral, construído em meados do século XX, não sofreu quaisquer acções de reabilitação ou requalificações profundas desde a sua inauguração e abertura ao público.”

http://worldheritage.uc.pt/pt/#bibliotecageral/
Capela de São Miguel, na Universidade

A Sala dos Capelos era a Sala do Trono e foi lá que D. João I de Portugal foi nomeado rei. A partir de 1544 virou Sala dos Capelos, local das cerimônias solenes da Universidade.

Sala dos Capelos
Tricana de Coimbra

Onde parar

Fachada do Quinta das Lágrimas.

Coimbra tem um dos hotéis mais rico em história do mundo: o Quinta das Lágrimas – e foi lá que eu fiquei. Ele é um ponto turístico da cidade e vale a visita mesmo sem se hospedar lá. Explico: o Quinta é um palácio do século XVIII, com 12 hectares de jardim. Foi lá que o príncipe Pedro e Inês de Castro viveram sua história de amor proibido. Foi lá que Inês foi morta, a pedido do rei Afonso – pai de Pedro. Diz a lenda que as lágrimas dela formaram a fonte dos amores e o sangue dela manchou as pedras da fonte.

Mas qual o motivo da história deles ser quase um Romeu e Julieta? Bem, Pedro era filho do rei de Portugal e herdeiro do trono e Inês era a aia da futura esposa de Pedro, a princesa D. Constança Manuel. Porém, Pedro acabou se apaixonando por Inês e o rei não ficou nem um pouco feliz com isso.

Um tempo depois da morte de Inês, o rei morreu e Pedro virou o novo rei de Portugal. Ele, ainda apaixonado por Inês, pediu que desenterrassem ela para que pudesse ser coroada rainha e obrigou que a corte beijasse a mão dela.

Passada esta tão próspera vitória,
Tornado Afonso à Lusitana Terra,
A se lograr da paz com tanta glória
Quanta soube ganhar na dura guerra,
O caso triste e dino da memória,
Que do sepulcro os homens desenterra,
Aconteceu da mísera e mesquinha
Que depois de ser morta foi Rainha.

Os Lusíadas – Luís de Camões

A lenda também diz que Inês fica andando pelo hotel à noite e “brincando” com os hóspedes – apagando ou acendendo as luzes, fazendo barulho e tal. Eu não vi nada, mas confesso que teria gostado de ficar na presença dela. hehe

O hotel é lindíssimo, o jardim é impecável e a energia do local é surreal. A localização não é das melhores, ele fica distante da faculdade e do centro, mas é lindo de fazer tudo a pé. Em cada canto se acha uma coisa diferente. Coimbra também tem ônibus, táxi e Uber, então o deslocamento é bem fácil.

A vista do jardim no café da manhã.

Espero que vocês tenham gostado de participar de mais uma viagem comigo! Deixem nos comentários o que vocês querem ver aqui no blog, vou amar saber!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: